segunda-feira, 2 de julho de 2018

brasil


A imagem pode conter: pessoas sentadas e texto

brasil

Em climático FESTIVO
é bom lembrar BRASIL 
estamos felizes, mas de OLHO VIVO
em vocês vis, VIU?
preste atenção ao que CONCERNE 
somos civis e vocês!?...VERMES
vamos honrar vossas TOGAS
no problemático CENÁRIO
político selvático CLAMAMOS
sejamos práticos nos QUESITOS
queremos tudo bonito e mais EXPLICITO
legislativos, executivo, judiciário
escrevi vossos nomes com letras SINGELAS 
pois somos muito mais que suas tantas MAZELAS 
somos lutadores nessa imensa AQUARELA
trabalhadores, sonhadores, REALIZANTES
nossa ferramente é constante LABUTA
e a vestimenta é de mata VERDE 
a camiseta bela AMARELA
Desculpa...
é só um REFRESCO...
Segue o jogo...

Son Dos Poemas 
100%SMG

quarta-feira, 13 de junho de 2018

Não me Queixo

A imagem pode conter: Sonia Gonçalves, sorrindo, selfie, close-up e atividades ao ar livre

Não me Queixo
Não me deixo
no insubstancial
não me queixo
Suporto...
não me perco
no superficial
não me gueixo suplico
feito um filhote garrote
preso com grito na glote
não me abalo às intrigas
não me esfarelo às formigas
por mim toda paixão é zelo
minh’ herança puro amor é sê-lo
não me erre qual novilho pacífico
perdido sem trilho num circo
sei, amor tem brilho procedente
e os olhos lustram às estrelas
acendem a escuridão
faíscam alumiados de repente
o amor não tem explicação
a dor sempre tem.

Son Dos Poemas 
100%SMG

Amar Equivale



Amar Equivale
Um vale de profecia
Meu Vate versejador
Oraculo deus da poesia
Profeta das artes magistrais
Das letras namoreiras 
Dos versos atemporais
Namoradeiras estampadas de jardins
Qual poeta não fala de amor?
N’aurora das negras amoras...
Diz eu Te Amo nos versos ou...
Coisas tipo assim...
Somos das oníricas arquitetas
Navegantes das primícias
Amantes das delícias poéticas
Enfim...
Do óbvio tão evidente
Na lufa invisível transparente
Profetas adivinhantes 
Fantasias...
Amor é lupa nos faz gigantes
Na garupa do vento levantes
Dentro do desejo fiel
do romance agri doce 
Da lua e do mel 
Pelos quatro cantos nós
Enamorados...
Son Dos Poemas
100%SMG

AMORECER

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé

AMORECER
Jamais esmorecer
Ante as limitações não abdicar
Desistir de amar nem pensar
Em amor e ser me admito
Deixo-me fluir em intenções
Explico à alma e ao espírito
Embriagada de sensações
Me cativo no vinho mais denso
No teu querer de exaltações
Em tu’alma despida eu me penso
No sabor de elixir desatremado
Por “amorecer”ao existir poemado
Esmero-me num léxico dizer
Onde eu própria crio expressões
Ah, num cio há frio tentador
E num rio um sorriso pescador
Um peixe cujo nome namorado 
Tritão personificado em amor
Num cantinho solo pão e colo
Num reservado acolhedor
Pecadinhos..
Eu você feitos dois passarinhos 
Confeitados de flor.


Son Dos Poemas
100%SMG


A imagem pode conter: 1 pessoa

Amor Não Vacila



Amor não vacila
 Aos empecilhos
Não oscila às variantes da lua
Instigante não perde o brilho
Remove os obstáculos
Tem poder de grua
Não é carga pesada 
Nos ombros caídos
Não é alma apenada
Entre escombros perdidos
Amor não é oscilante
E se chispa faiscante
É estrela que cintila
Espelha nas pupilas
Feitos dois diamantes
Amor eterno.

Son Dos Poemas
100%SMG

Reflexos


Reflexos
Num momento subitâneo 
Olhei o tempo no espelho 
Num canto contemporâneo
Extraí dele coletâneos 
Luas de anexins

O nome da rosa num eco confins...
A letra escarlate na pele marcada
Areias movediças em estardalhaços
Ah, são retalhos de cetim

Pedaços de mim eu acho...
Titânico o navio ganha a fúria do mar
O coração de cavaleiro meu medo de amar
Possíveis visitas minh’arca d’esperança

Meu canto forte é floração
Lindo amor é quem estrutura o coração
E o vento levou à loucura sem cerimonial...
O sonho dum beijo de cinema é bem real

Deixou um jardim plantado n’alma
Nos vasos serenos da cachimônia poética
A mão do destino balança maquiavélica
Me vejo dormindo com o inimigo num filme
Sorrindo no casamento do meu melhor amigo
Voo comigo contigo e o beija-flor num lume

Sublime amor sobre a relva me fiz tanto...
O mundo é uma selva alguém diz comum pranto
A vida bela eu sei é fim
Proposta indecente 
Convite assisti...
Eu e o rei vi revivi
Vivi nove semanas e meia de amor com Kim
Com imperador dos sentidos libidinoso
Sempre é todo dia de novo
Enfim...

Son Dos Poemas
100%SMG

domingo, 27 de maio de 2018

Quando t'serei



Quando t’serei
Serei amar
n’outro dia não sei se estarei
mas sei sim que serei
é terno amar...
Quando um dia em ti feiticeira
Acender-me-ei nadadeiras
barbatanas  d’ouros solar de mar
Lendas de colares e contas
De quem se quer e se encontra
no marulhar do vento e das conchas
despojados  no cais
De todos os sonhos és primor
Cálido querer
Sólido amor
E tudo o mais...
No universo das tuas águas
Há tréguas e fráguas
Coisas marítimas
Ondas turquesa
Reações químicas
Amares íntimas
Escala das almas
Nas líricas laudas
Há léguas há milhas
Nossas ilhas marinhas
No epicentro do ser
Nas figuradas caldas
Nas noites candentes prazer
Ser tua musa hei
Esbrasear-te-ei
Abarcar-te-ei o coração
Do teu tridente Posseidon
Jorrará águas ferventes
Quais lavas d’um vulcão
Sim eu sei
Amor é essência inocente
Sexo o extrato abstrato imanente
Aquiescência...

Son Dos Poemas
100%SMG

Fotogenia

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up e atividades ao ar livre

Fotogenia

Dá claridade às sombras
Graciosidade às penumbras
O que deslumbra é a poesia de Luz!
Há magia no céu num tempo plúmbeo
Sobre a vida o cromo contemporâneo
A litografia lida sob a lente do Homo

A estamparia é de praxe vida
Na realidade lavrada a face fugida
Há paralisia do tempo fica por dentro
Além da cor do esculpido retrato
O ar abstrato age policromático
Pinta de vintage em amarelo antigo

Caiada miragem de mistério simpático
Só pra te guardar consigo leva mirante
Naquele cantinho simbólico, mágico instante
Chama de fantasia o negativo oposto
De formosura eterna o figurante rosto
O tema permanece, hiberna na fotografia

Revelador é o tempo brinquedo do Eterno
Prevalece na essência d’alma encaderno
Numa caixa preta secreta o moderno
Deleta o lambe-lambe em selfie
Q’a foto grafia em foco repouse
Diga Xis, sorria, ouse
Há foto-magia na imagem
Num lance num close
O tempo é miragem
Flash!

Son Dos Poemas 
100%SMG

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Poeta



Poeta...
sois fabuloso em teu poetar
perto de ti fico sem casa
mas ganho asas para avoar
Poeta...
sois qual a lua no imenso firmamento
perto de ti me sinto nua
enfeitiçada, sou raia com saia de vento
Poeta...
sois o caos em minh 'equação inequívoca
perto de ti, sou locomotiva movida a vapor
sou tua grua hidráulica, cuja água é amor
Poeta..
sois partículas do ar que respiro leniente
perto de ti sou ave marinha morena
sou tua, Maria poema, estrela poente
Poeta...
sois igual ao Sol a pino 
dentro de mim sois rei 
Tritão, Netuno...
Poeta menino, carente
sim eu sei...
Meu Poema uno
Suprassumo
Meu sempre...
Son Dos Poemas 
100%SMG

terça-feira, 1 de maio de 2018

Maio Contratual

A imagem pode conter: texto

Maio contratual

Diz sintoma é colateral
Sim, toma tua luta habitual
Doma os teus dragões
E labuta conspirações

O repouso seja indelével beijo
A cada aurora realize o desejo
A todo instante o dia primário
Poesia dos Anjos no Sol emissário

Seja este mês conspirador
Tu das promessas salutar pagador
Que a paga estipule o ato consensual
A data presente simule o fenomenal...

Sobretudo que conste nos autos
Sobre o criado MUNDO os aspectos
Tu pagará no dia a dia a fração
O penhor será amor sem distinção

Prometa-se ser poético estar em riste
Ter firmeza, finesse mesmo se triste
Bem e benesse se abriu maio aquiescência
Logo outro mês, outra vez na sequência...

Son Dos Poemas 
100%SMG
Feliz Mês de MAIO!

domingo, 22 de abril de 2018

Idília da Terra

A imagem pode conter: texto

Idília da Terra

Do cerne da terra é surgido o fruto luzido
Antídoto em poema do rei mais lustroso
Não tem desculpa o bruto é tempo perdido
O riso vale de lágrimas quando este culposo

Por todo canto há idílica planta conteúdo
Folhas secas ao vento são iguais pirilampos
É beleza que suplanta é mágico manteúdo
Encanto sustenido à ira dos angélicos mudos

São tantas locustas para liquidar plantações
Sepulcros beijos, adustos sangues, salsos sertões
Combustas loucuras à sepultar corações

Vem da terra a bebida seiva em mel suplementos
Em verdade prometida nosso berço, luz e acalanto 
Ah!..Hipotética vida éter até os quintos dos elementos

Son Dos Poemas
100%SMG

Terra Telúrica

A imagem pode conter: texto

TERRA TELÚRICA

Aniversaria a deusa telúrica
Mãe natureza em extensão e grandeza
Cabalística mística Gaia em supra pureza 
Com densidade e capacidade intríssica

Sutileza da deusa essencial ao viver
Berço que acolhe no veio escorre na artéria
Reabilita sempre o ciclo recolhe a matéria
Eleva o espírito sob o ventre que aterra o ser

A beleza gestacional cuja terra fecunda
Rotatividade que arde em torno do Sistema 
Planeta que gira no eixo da estrela apoema
Ar de arte, terra e fogo à mar se inunda

Terra do navegador do homem e do amor
A mãe fértil e sensata que o solo germina
Gaia que a fome mata e o primata nina
Deusa-terra que a oração oferta em flor

Hidrata a sede e a pele de quem d’água carece
Em seus tantos riachos, açudes e nascentes
Completude dos rios eleitos das fontes e afluentes
Virtude é ter e ser preservar Gaia que a vida floresce.

Son Dos Poemas *SôniaMGonçalves imagem google

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Escalador


Escalador

Expira a dor respira o ar...
Escala as montanhas e deixe a dor lá no sopé
A flor da pele com força tamanha faz-se senti-la
Escala com complô de amor 
Ao compor a magia deixai fluí-la
Desde o último fio de cabelo até a ponta do pé
Ouve o grito das cigarras e agarra o silêncio
Penso no vácuo, nem sempre há precipício
Por isso, no papiro, tantos suspiros d’alma
Exala de dentro toda calma possível visível
Faz do impossível um cheiro agradável 
Emanado de repente do centro que encerra
Quando cessar da chuva emergida terra
Do invisível um olor de madeira delicado
E faz-se amor mais puro no escuro aperolado...
Escala dor que sentes pelo mundo tão tolo
Anota num rolo de pergaminho o próprio saber
Deixa ali teu sabor, selado com a língua 
E singra as palavras para amanhã ser
Impressos entre mim e m’eu, t’eu e você
E os tantos passarinhos que passarinham 
As verdentas palmeiras em dobraduras
Em nossas almas campeiras e puras.

Som Dos Poemas
100%SMG