quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Vida



Vida

Ser um nobre vagabundo no mundo...
Deitado em um divã sempre ao sabor do tempo.
Deixar se levar por momentos serenos.
Plenos de êxtase em admiração á natureza.

A vida é mágica compreendê-la ser necessário.
Não pegar os atalhos que o tempo oferece...
A vida é longa para quem dela esquece...
É traiçoeira para quem desmerece... Vê-la!

A vida pode não ser mesmo um sonho...
Mas sua matéria é de fantasia.
Sua realidade um ato!
Um fato abstrato!

A vida é um espetáculo!
Somos nós, seus tentáculos.
Agarrá-la e mantê-la presa em nós...
Enquanto sós somos livres.
.
A vida é um grande encontro, um recomeço...
Com uma nuvem do céu, um navegar no oceano.
Como um barquinho de papel.
Nossa vida! Nossos planos!

A vida é mesmo uma imensa teia!
Um canto de sereia!
A rede com nos atrai!
O canto que nos distrai!

A vida é um grão de areia, numa lente de cristal...
Num piscar de olhos...
Enquanto olhamos o céu...
Ela vira fumaça, compõe a nuvem...
E passa...!...Passa...!


Sonia* Son Dos Poemas
 18/02/2011
Postar um comentário