sexta-feira, 8 de agosto de 2014



Meu Sonho Lendário

Sonhei-te cavaleiro valente e destemido...
Um ser brioso dos morros uivantes...
Um cavalheiroso gentil enobrecido
Sonhei-te reluzente entre mil diamantes

Mil e uma noites tantas melodias
Um jardim eterno que orvalhava e sorria
Havia sol em meio à garoa fina você e poesia...
Nuvem de romantismo albinismos dos dias...

Sonhei-te meu cavalheiro mais gentil...
Um cavaleiro saído de algum livro juvenil
Vestia sua armadura e empunhava espada
Um viajante do tempo atrelado ao nada...

Sonhei-te cavaleiro galopante...
Personagem fictício de Miguel de Cervantes
Um Dom Quixote louco sonhador e amante
Um conto delicioso de poesia e romances

Sonhei-te meu cavaleiro em apego...
Um templário da távola de Athur
Um cavaleiro justiceiro da excalibur 
Meu sonho de amor meu sôfrego...

Meu sonho em lendas de fantasias...
Meu amor intenso em rede de poesias
Trançando meu destino em pétalas de bruma...
Tecendo meus sonhos em penas e plumas...

Son Dos Poemas
Postar um comentário