sábado, 10 de janeiro de 2015

Amores E desejos Proibidos



AMORES E DESEJOS PROIBIDOS


Amor proibido... 
Excitante é fazer-se permitido
Porque quanto mais proibido
Mas acende e desperta a libido

Excitante é experimentar 
Brincar de seduzir
E traduzir
O desejo de amar

Saber que amar não é pecado
Deixar o vapor de amor fluir
Ter o corpo quente e suado
Suspirar gostoso e usufruir

Entre a promessa e a entrega
Toda fantasia é permitida
Mil loucuras sem reserva
Só palavras e carícias atrevidas

Desejar com ânsia e prazer 
Como instrumento de corda ser tocada
Dedilhada com ousadia ser amada
Gemer uma melodia fazer o solo tremer

E num jogo de amor
Onde o “não” pode ser sim
Gemidos de prazer e quase dor
Desejos inconfessos a traduzir

Desvendando o inconfessável 
Realizando o fetiche sustentável
Excitar com tentação seminua
Dançar na magia d’alva lua nua...

Palavras e suspiros ao ouvido
Movimentos insanos e devassos
Os gemidos viram gritos
Quando o corpo explode em orgasmos



NLC & Son dos Poemas


Postar um comentário