quarta-feira, 17 de junho de 2015

Super Sônica


Super Sônica

Acalento velocidade supersônica...
Alimento amor d’alma minha romântica
Alto é meu teor em inspiração épica
A palavra expressivamente sônica...

Atônita vejo meus desejos abissais 
De pernas Poá(r) na fonte áurea e transparente
Nos áureos das cabeceiras e sons minerais
Do alto a mina d’ água é cristalina e quente

Escorre em fio d’ouro puro e arejado
O eco leva á mina garganta a loção tônica
Um gosto de elixir inodoro enfeitiçado
Um bem amado em ligação quase iônica...

Unidos os polos opostos se atraem
O negativo faz o positivo enlouquecer
Duas cargas únicas e ás ilusões se distraem
Faz a alquimia e a insônia madrugada ser...

Alvorecer usando o faro como um sonar...
Supersônico é aventura voo em auto (a)mar
Minhas asas vestem fantasia de sempre sonhar
Habitat é meu desejo e desmistificar o pecado

Pecado é embriagar-me de licor de amoras...
Elegante é ler os cânticos das corujas
A inspiração vem da fonte dos meus desejos
Dos beijos úmidos e sangria das uvas...



Son Dos Poemas
Postar um comentário