quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Além Da Imaginação


Além Da Imaginação 

Além muito além do tempo da razão...
Palpita meu coração a louca peleja
Verseja farfalha apruma a rima com a mão
Parola pelos ares arrima a boca que beija

Ajusta justifica a sensação sensitiva...
Fala com fluência o dialeto do amor
Explica como pode as flores sempre viva
Dar asas á imaginação e voejar beija flor

Além da altitude que resguardo utopística
Só a lágrima solitária bêbada me denuncia 
Desnuda meus olhos revela-me mística
E danço nua pra lua embriagada de poesia

Acredito no que sinto no poder rasgar os mitos
No açúcar com absinto e cortesia alucinante
No diamante enfeitiçado frisado com riscos
O rito de querer-te amar a toda hora e instante

No limítrofe bem além d'alma arde mistérios
Estrofes rimadas com fértil imaginação 
Regadas com chuva de versos aéreos 
O feitiço das vinhas degustado em poção...

Além da imaginação amor é sonho estrelado
Um mundo diferente recheados de sonhos 
O tempo guardador de segredo espanto e libido
O caminho mais florejado e temas poéticos...

Son Dos Poemas
Postar um comentário