segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Encontro Vocálico




Encontro Vocálico

Onde encontrar meu eu com tua vogal seminua?
Nossas sílabas diferentes nas lacunas da lua...
Juntos abriremos parênteses unindo lábios vocálicos
Que tal um encontro vocal no coral dos hálitos?

Faremos um teste de linguística sem trema...
Falaremos apenas a língua dos Anjos poesia e poema...
Expressaremos num hiato rápido nosso amor tão longo
Resumiremos todos os anos num crescente ditongo...

Recitaremos nosso caso num lindo soneto...
Abrigarei toda minha poesia ousada em teu peito
Conjugaremos o verbo amar de todos os jeitos...
Faremos duetos entre flores e amores perfeitos

Tomaremos em nossos cálices caldas doces vogais
Faremos verão n’outro como duas andorinhas no cais
Côncavos em versos tomaremos um banho de vento
Dançaremos ao som do regresso e sabor do momento...

Desvendaremos o enigma dos girassóis...
Abriremos uma cratera no destino com sóis...
Uma fenda onde possa penetrar poema e sol a pino
Serei tua poeta fartei-te sorrir meu menino...

Romperemos os tritongos nas paralelas do fonema
Partiremos esse imenso losango e portal d’poema
Escreveremos dueto num encontro homérico 
Usaremos as vogais e hiato do palato vocálico

Rolaremos pelo chão em lençóis poéticos
Estaremos na constelação de Andrômeda com cânticos
Seremos poesia e poema românticos...

Son Dos Poemas



Postar um comentário