quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Modismo



Modismo

Nada se cria tudo se copia 
Filme, imagem,literatura, poesia
Até o tabagismo um mal que vicia...
Beber a moda é o ócio de cada dia

Copiar a agonia a escrituração
Plagiar amor ir até o sangue do coração
A fria realidade todos querem fama
Amar o que todo mundo ama...

Há tantos sustentando os efêmeros 
Gente se adequando as categorias
Tantos gêneros e subgêneros 
Humanos imitando tantas crias

Faz-me pensar, modismo é chato!
Na vida nada se cria tudo se copia?
Imagina comer todos o mesmo prato
A falta de imaginação é o que alicia

O cerebelo não tem limite
Não se limita ao belo imitar
Seu poder é infindo acredite!
Criar e coçar é só começar...

Son Dos Poemas 
Sônia M.Gonçalves

Postar um comentário