segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Pela Manhã



Pela manhã

Em plena manhã as melhores coisas me veem 
A inspiração sempre e como maçã também...
Pela manhã é quando os passarinhos me acordam
O vento me acaricia com poesias que me dobram


Pela manhã sinto teu gosto de aventura
Lembro que sonhei contigo e fizemos loucura
Que tentei esquecer-te, mas não consigo...
Relaxo e penso te abrigo comigo...

Logo pela manhã com a boca de hortelã
Lembro teu gosto bom de paraíso com avelã
Meus desejos conto ás paredes com grafiato
Querer teu sabor proibido no meu céu e palato...

Pela manhã ao atravessar a rua te vejo...
Ao pisar no solo da lua no meu sonho te beijo...
Pergunto ao céu lunar... Onde estará meu amor?
A resposta vem num beijo no bico do beija flor

O eco mais bonito vem do infinito verbo amar...
A voz que me pergunta onde é que você está?
Sou eu quem responde então tá...
Beijo seus lábios então e sinto me enfeitiçar...

Há magia nas manhãs clarividentes...
Abraçar a felicidade com unhas e dentes
Gostoso é saber o cheiro do azeite das oliveiras 
Sentir o calor da terra e se untar de besteiras...

Son Dos Poemas 
Postar um comentário