segunda-feira, 20 de março de 2017

Já Que è Pra Sonhar


Já Que É Pra Sonhar

Sonho muito voo alto...
Bato asas corro o asfalto
Veloz como vento suave feito pluma
Como sonhos me embriago d’ bruma

Voo nas nuvens amo poema
Alada feito um Anjo sem problema
Já que me disseram pra sonhar...
A linguística é minha ciência elementar

Vira e mexe estou na lua toda nua
Sem lenço e sem documento sempre tua
Donzela despudorada do teu vasto elenco
Protagonista da tua inspiração foliã do vento

Não sou freira nem santa fujo de convento
Não voo ao inferno meu Anjo é ciumento
Já que posso sonhar não perco um segundo
Levo-me até você trago-te para meu mundo

Digo tudo o que penso e sinto não minto
Simplifico o bonito é logo ali no infinito
E a poesia veste seda e linho, mas é humilde...
Todo verso faz rima com som amiúde...

Já que posso sonhar refaço meu destino...
Vou me deitar no poema ceder ao meu desatino
Levar minha sombra lado á lado para caminhar...
Irei até Portugal ver a tal abrótea nadar...

Son Dos Poemas 
*SôniaMGonçalves
Postar um comentário