sábado, 30 de dezembro de 2017

Visão Celular


A imagem pode conter: sapatos

Visão Celular
Na ponta tecnologia Wi-Fi
nas partículas da rede...Uai!..
a biologia da célula tem sede
não há intercomunicação sem rede...
O verbo de ligação é poesia tecida
à citologia no corpo celular é lida
No olhar languido a interlocução 
na reciprocada alma´boa sensação
ao pé do ouvido o código roteador
No núcleo da célula pródigo Amor...
Ah,...Comunicação que nos valha!...
Dentro dessa parafernália
uma cigarra louca me canta
na fornalha da memória binária
Sela minh’ expectativa
do sempre encontrar a recíproca
do palavrear em coro...
Na lua , na rua, n’outro logradouro
Não importa a estância...
A corrente do pensamento assegura....
Aternura o corpo celular à distância
Dá corda ao vocal...
Planta um horto de ESPERANÇA!!
Na pele curtida, na vida de fato...
Há cactos e orquídea 
Num buquê cabedal!

Son Dos Poemas 
100%$ôniaMGonÇalves
Postar um comentário