segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Dito ao Pé da Letra

A imagem pode conter: texto

Dito ao Pé da Letra

Com a suntuosidade que lhe é peculiar
Sem faltar a grafia de S capitular
Em ti há um instinto selvático, leônico
No entanto, é de nós sermos volantes, faraônicos
Me crepúsculo nesse preceder do dia simpático
Por crer num acontecer mais hedônico
Nosso folhetim continua, circular como sempre...
E extraímos poesia do ventre d’alma ventricular
Li mais um episódio com o coração escancarado
Como se fosse uma declaração de paz auditiva
Com fibra e a linguagem silenciosa, intuitiva...
Dito com todas as letras, me vibra 
Ao movimento dos dentes e músculos,
Atenta ao auricular em paz sem porfias...
Sendo assim com metáforas te ramifico 
Me aguço aos ramos da poesia
Sem mais nem menos assino esse opúsculo
Ser justo é o universo dos poetas loucos
Ouraste-me em veios d’ouro
Na luz d’aurora colhe os louros!
Dissestes meu nome S maiúsculo
Sem mais...
Dia augusto!


Son Dos Poemas 
100%SMG
Postar um comentário